O uso da legendagem

>> 20090218

Gravei este video no Ministério da Educação em Díli, para demonstrar a utilidade da legendagem numa sociedade multilíngue.



Peço desculpas de estar tão desmalezado, mas vocês têm uma ideia geral.

7 comentários:

Margarida quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009 às 17:39:00 WET  

Olá Ken!!! Há uns tempos que não o via por aqui :-)

Espero que a estadia em Timor-Leste tenha sido boa e que resultados frutíferos daí advenham.

Concordo consigo sobre esta questão da legendagem e também, da importância das novas tecnologias ao serviço do desenvolvimento.

Interessa também, reforçar intensivamente a aprendizagem/consolidação do tétum, português e inglês em Timor-Leste. Por exemplo, não vejo grande interesse, para já, no espanhol como segunda língua ...

Também não me parece que cursos de verão resolvam problemas mas pronto ... o governo e o sr. ministro Cancio, tão exigente com as médias de curso dos estudantes licenciados - para atribuição de bolsas - lá saberá ...

Desculpe-me se fugi ao tema!
abraço,
M.

Ken Westmoreland quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009 às 04:51:00 WET  

Muito obrigado, Margarida. Tudo do software que usei foi gràtis, embora baixasse antes de viajar para Timor, porque teria exigido muito tempo e dinheiro para baixá-lo lá.

Ken Westmoreland quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009 às 04:51:00 WET  

Muito obrigado, Margarida. Tudo do software que usei foi gràtis, embora baixasse antes de viajar para Timor, porque teria exigido muito tempo e dinheiro para baixá-lo lá.

João Paulo Esperança sábado, 28 de fevereiro de 2009 às 01:29:00 WET  

Ola Ken, so agora vi o video porque no lugar onde costumo usar a internet as coisas do youtube sao bloqueadas. Acho que passa muito bem a mensagem. Seria bom que fosse visto por quem tem poder para decidir sobre essas coisas...

Anónimo,  sábado, 28 de fevereiro de 2009 às 04:28:00 WET  

Acho espantoso porque razão não "acertam" baterias?... a sério... é um completo desperdício pelo conhecimento da mais valia (nada com Marx! apesar de estar extremamente actual naquilo que definiu!)

A minha questão é a: existência de meios ao alcance, primeiro; segundo a vontade e terceiro não sei qual é mas parece-me ser a de concretizar... para essa altura, apitem!...

Salgueiro Maia volta que estás "perdoado"...

Devaneios... quiçá?...

Mas não "estraguem" o trabalho de anos que muito boa gente mantém, sem nunca cobrar, anonimamente!

Anónimo,  sábado, 28 de fevereiro de 2009 às 04:34:00 WET  

João Paulo Esperança, Ken Westmoreland, Margarida (não a do TLN)... baterias nPor Timor-Leste Sempre!

Já bastam aqueles e aquelas que teimam em fazer crer que Timor é um Estado falhado... a bitola é outra. Parece-me.

Bem hajam!

Olhem que vos falho das entranhas, das minhas é claro.

Enviar um comentário

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP